Duas novidades marcam o terceiro dia do Sirha Rio

07/10/2016 | Fonte: Portal Fator Brasil /Online

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

Duas novidades marcam o terceiro dia do Sirha Rio

Torneiro de gelatos e palestra sobre inovações. O Sirha Rio encerrou sua segunda edição no dia 6 de outubro (quinta-feira), com dois eventos inéditos que aconteceram pela primeira vez aqui.

O torneio “Talentos do Gelato” teve como principal objetivo promover a atividade de sorveteiro e incentivar criações com elementos brasileiros. Sob a tutela do mestre gelatiere Frederico Samora, quatro duplas de participantes realizaram suas criações em três formatos: torta gelada, cuba decorada e sobremesa empratada individual com gelato. Isabella Brendler, de Santo André, e Letícia Orenga, de São Bernardo do Campo, foram a dupla vencedora do torneio, com o sabor Irish Coffee.

O júri responsável por avaliar os candidatos foi composto pela jornalista Cintia Oliveira (Revista Menu), e os chefs Carlos Ballota, Marcia Garbin, Rogério Shimura, Flavia Quaresma e Angelo Parrela.

O público brasileiro teve acesso em primeira mão a uma pesquisa com as principais tendências do mundo da gastronomia para os próximos anos. O levantamento foi feito pela instituição francesa Food Service Vision, líder em pesquisa e consultoria “fora de domicílio” na França. Inicialmente previsto para ser divulgado durante o Sirha Lyon em 2017, o conteúdo exclusivo foi revelado aqui, com apresentação do consultor francês Emmanuel Argoud, um dos responsáveis pelo estudo, e mediação do chef Guga Rocha. Na pesquisa, os territórios de inovação são divididos em três grandes temas: o prazer, a praticidade e o bem-estar. “São tendências gerais para o mercado mundial, e cada país vai traduzir as suas próprias necessidades”, afirmou Argoud.

O Sirha Lyon —A francesa Marie-Odile Fondeur, diretora mundial do Sirha, recebeu imprensa e importantes chefs no Hotel Grand Mercure Rio de Janeiro, para anunciar as novidades do Sirha Lyon 2017, que acontece de 21 a 25 de janeiro, na França.

O evento contou com alguns dos participantes brasileiros na edição francesa, entre eles a alagoana Giovanna Grossi, que concorrerá ao lado de outros 23 chefs do mundo inteiro ao Bocuse d’Or, maior concurso de alta gastronomia do mundo. Será a primeira vez que Lyon recebe uma mulher brasileira entre os finalistas.

Outra novidade anunciada foi o time nacional que participará da Catering Cup. Luiz Guilherme Cyrino, chef de banquete do Belmond Copacabana Palace, e Paulo Araujo, chef do Grupo Nori, seguem para o evento francês sob o comando do coach David Mansaud, chef executivo do Belmond Copacabana Palace.

A final da Coupe du Monde de la Pâtisserie também contará com a participação de dois brasileiros: a dupla Marcone Calazans, chef pâtissier do Clube Athletico Paulistano, e Abner Ivan, diretor executivo do Clube dos Padeiros e Confeiteiros do Brasil.

Importantes nomes da gastronomia nacional e mundial também marcaram presença no evento: Alain Uzan,chef que comanda a cozinha do restaurante francês AVEK, Laurent Suaudeau, técnico de Giovanna Grossi e, atualmente, à frente da Escola Laurent Suaudeau, e Philippe Brye, chef executivo do hotel Sofitel Copacabana.