Chef de Alagoas é primeira brasileira a presidir comitê da copa do mundo da gastronomia

18/01/2018 | Fonte: Agenda A

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

Após ser a primeira chef mulher do país a conquistar uma vaga no mundial do Bocuse D`Or 2016, espécie de Copa do Mundo da Gastronomia cuja edição final é realizada na cidade francesa de Lyon, a chef de Alagoas Giovanna Grossi acaba de conquistar mais um título de renome.

Terça passada (16), Giovanna foi nomeada em São Paulo presidente do comitê brasileiro do campeonato francês, substituindo ninguém menos que o chef francês Laurent Suaudeau, que foi seu técnico na competição.

Além de destacar a disciplina e comprometimento de Giovanna, Suaudeau confessou no evento que não foi fácil convencer o comitê francês a dar o cargo para uma brasileira. De acordo com reportagem no jornal Estado de S. Paulo, contudo, o chef argumentou que hoje não faria mais sentido um francês ser o presidente da etapa brasileira do concurso.