Produtores rurais de SC têm destaque no 3º SIRHA

15/03/2018 | Fonte: Economia SC

Clique aqui para ler a matéria direto da fonte.

3º SIRHA ocorre durante o São Paulo Expo, entre os dias 14 e 16 de março, em SP. O encontro deve atrair cerca de 15 mil pessoas, além de reunir 250 expositores

Do estado catarinense, são 17 participantes de sete empresas que apresentam produtos diferenciados com apelo gourmet. Foto: Divulgação

Produtores rurais de Santa Catarina participam, entre os dias 14 e 16 de março, do 3º SIRHA (Salão Internacional de Restaurantes, Hotelaria e Alimentação), principal evento internacional para profissionais de foodservice e hotelaria que ocorre durante o São Paulo Expo. O evento deve atrair cerca de 15 mil pessoas, além de reunir 250 expositores e marcas brasileiras e internacionais.

Do estado catarinense, são 17 participantes de sete empresas que disponibilizam produtos diferenciados, premium e com apelo gourmet, que apresentam indicação geográfica ou de procedência, certificação de orgânica e características oriundas de territórios brasileiros que valorizam a cultura, a origem, as tradições e o “saber fazer”.

Santa Catarina é representada pela Associação de Produtores de Cachaça e Aguardente de Qualidade (ACAPACQ) com as empresas Vinícola Abreu Garcia, Villaggio Bassetti Vinhos de Altitude e Bottarga Gold, além da Associação dos Bananicultores de Corupá (ASBANCO), Lagosteria Rita Maria e Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI).

No evento, a produtora Eliane Muller representa a ASBANCO, entidade com quase mil produtores de Santa Catarina que inclui os municípios de Corupá, Jaraguá do Sul, Schroeder e São Bento do Sul, com total de 9 mil hectares de área plantada. “Temos a banana mais doce do Brasil, pois aqui nesta região, ela demora até 14 meses para ser colhida. Mais tempo no pé, é mais acúmulo de amido, o que garante ao produto um adocicado natural”, explica.

Já a ACAPACQ, formada por 40 produtores, é representada pelo seu Leandro Melo Silveira. “Somos o Estado com a maior diversidade cultural, maior variedade de solo e com as estações do ano mais bem definidas do país. Essas peculiaridades potencializaram nosso Estado a produzir as melhores cachaças do país”, conta. Em 2017, Santa Catarina foi o Estado mais premiado na 27ª Expocachaça de Minas Gerais com 16 medalhas conquistadas.

Todos os produtos estão em exposição no espaço Terroir Sebrae, organizado pelo Sebrae. É uma oportunidade para que tais riquezas, de diversos estados do Brasil, sejam apresentadas aos chefs e compradores do mercado. O Terroir ganhou destaque nas últimas edições, chegando a ir para Lyon em janeiro de 2017, no evento francês.

“Ao participar do Sirha, o produtor percebe a necessidade de aprimoramento na apresentação do produto e de sua empresa, o que os motiva a investir em tecnologia e inovação, em busca da ampliação do seu potencial competitivo, nesse nicho de mercado”, afirma a Diretora Técnica do Sebrae Nacional, Heloisa Menezes.

No local, além de exposição, degustação e venda dos produtos diferenciados, o Sebrae contará com o Lounge do Conhecimento. Onde serão realizadas palestras, aulas-show, harmonizações entre os produtos presentes na feira, além de painéis com debates sobre produtos artesanais, origem e certificações diversas, dentre outros temas.

Outro destaque na programação será a rodada de negócios. Que acontecerá nas manhãs dos dias 15 e 16, com objetivo de aproximar os empresários dos produtores rurais que estarão presentes ao evento, e os possíveis compradores.

Intermodal South America acontece no São Paulo Expo Na FIESC, Gustavo Franco defende redução de gastos públicos Tupy troca comando e anuncia novo presidente